Metodologia IMPARE

Na ocasião da I Jornada de capacitação do projeto Espaço Cidadão Musical (ECM), os profissionais do projeto conheceram a metodologia IMPARE desenvolvida por Glauber Benetti Carvalho e que vem sendo aperfeiçoada a 12 anos, contando agora com uma equipe de pesquisadores, representada neste treinamento por Viviane Portela – educadora musical do Projeto Flauta, desenvolvido na região da Quarta Colônia (Rio Grande do Sul).

Glauber B. Carvalho delineou o percurso de construção da metodologia bem como as teorias e conceitos que embasam o desenvolvimento das apostilas de violão e flauta que estão sendo utilizadas no projeto ECM.

A metodologia apresentada compreende o ensino da música em um sentido mais amplo, “para a Impare, a Educação Musical vai além do aprendizado da técnica e da execução do instrumento. O aprendizado da música nas escolas significa poder propiciar uma formação mais humanista aos estudantes, onde através do aprendizado da música são desenvolvidas habilidades psicomotoras, de concentração, estética, cooperação do trabalho em grupo, o ouvir e respeitar o outros” – salienta Viviane Portela.

Nesta jornada de capacitação, os profissionais puderam ampliar seus conceitos de música, musicalidade, ensino musical, atuação profissional na área de cultura, promovendo debates e significações sobre a importância da música no contexto sociocultural.

Confira algumas imagens:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s